sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

ANO NOVO CHEIO DE PAZ

I
Fica a expectativa
E toda ansiedade
Pra vinda do ano novo
Sempre tem a novidade
Para que ele espera
Com paz e tranqüilidade.
II
A mesma finalidade
Com a comemoração
Esperança renovada
E a mesma saudação
Para o ano que passou
Fica só recordação.
III
Ano novo é atração
Pois é só comemorar
Cada um do seu estilo
Sem nunca modificar
Uns trabalham outros divertem
Quando ele vai chegar.
IV
A pessoa demonstrar
Com a mesma alegria
Ano novo esperado
Com bastante energia
E para quem acredita
Pratica a simpatia.
V
O que ninguém esquecia
Pois já virou tradição
É sempre a mesma coisa
Em fazer superstição
Tem quem se vista de branco
Pra ter sorte e proteção.
VI
É linda a união
Na maneira que entenda
A passagem muito bela
E na festa se emenda
Tem até quem ofereça
A famosa oferenda.

VII
Peço que não se ofenda
Quem esse ato pratica
Cada um tem o seu jeito
Como assim especifica
Só que eu não participo
Pois outra impressão fica.
VIII
Ano novo especifica
A promessa repetir
Uma nova esperança
Que então possa surgir
E toda a emoção
A gente possa sentir.
IX
Nós possamos assistir
Sempre com o mesmo clima
Desejar felicidade
Todo mundo se anima
Deixando nosso astral
Totalmente lá em cima.
X
Ano novo a gente anima
Nunca existe tristeza
Uma festa animada
Feita com tanta beleza
Ano novo é assim
Curtir com toda franqueza.
XI
Ano novo é na certeza
Uma festa animada
Para quem passa na praia
Apesar de ser lotada
Encontra aquela paz
Que é muito esperada.
XII
E com a paz encontrada
É quem dá todo sentido
Paz é a base de tudo
E não deixa iludido
Parabéns pro ano novo
E que seja bem vivido.
Brasília-DF, 31.12.2010.
Ilton Gurgel, poeta.

Um comentário:

Dircina disse...

Ilton,
Desejo que em 2011 você tenha muita
saúde, paz, amor e energias positivas na sua vida.
Abraços
dircina