quinta-feira, 12 de junho de 2008

AO MUNDO VEIO UMA FLOR , A LINDA PAULA CRISTINA
I
Há dezenove de Março
No dia de São José
Com muita garra e fé
Ao mundo teve espaço
Pra ela o verso eu faço
É uma linda menina
Com sangue de nordestina
Como pai vou dar amor
Ao mundo veio uma flora
A linda Paula Cristina.
II
Uma criança tão linda
Deixou-me emocionado
Por ser filha do pecado
Não tem pecado ainda
Ao mundo seja bem vinda
A pequena heroína
Como ave de rapina
Que voa sem ter pavor
Ao mundo veio uma flor
A linda Paula Cristina.
III
Uma pequena princesa
Que a mim hipnotiza
A futura poetiza
Eu afirmo com certeza
Encanto da natureza
Considero essa menina
Essa filha é gente fina
Serei sempre o protetor
Ao mundo veio uma flor
A linda Paula Cristina.
IV
Escutei o seu chorinho
Ela estava no berçário
Quando olhei no meu horário
Das oito mais um pouquinho
Olhei com muito carinho
Para aquela pequenina
Um pedaço de granfina
Enrolada em cobertor
Ao mundo veio uma flor
A linda Paula Cristina.
V
Ela já nasceu na luz
Criancinha inocente
Achei o melhor presente
Que eu ganhei de Jesus
Na vida ela reluz
Nossa vida ela fascina
Como água de piscina
Em um sol aquecedor
Ao mundo veio uma flor
A linda Paula Cristina.
VI
Assim veio uma criança
Para no mundo viver
Como pai vou acolher
Em Deus tenho confiança
Nela tenho esperança
Que será boa menina
Com a fé em minha sina
Agradeço ao Senhor
Ao mundo veio uma flor
A linda Paula Cristina
Brasília-DF, 19.03.1994

Ilton Gurgel, poeta

Um comentário:

Irlene disse...

Linda poesia!!Fiquei encantada...Queria eu ter esse talento, de criar tantas coisas belas..Parabéns amigo e continue escrevendo suas poesias.